1. Início
  2. Artigo
  3. Compliance Officer

Compliance Officer

Cada vez mais o mercado de trabalho está em busca de profissionais especializados em implantação, execução e gestão do Programa de Compliance ou de Conformidade Legal justamente pela necessidade de manter um maior controle sobre os riscos trabalhistas e com isso gerar a sustentabilidade do negócio perante a sociedade, instituições, clientes, fornecedores e até mesmo com os concorrentes.

E o Compliance Officer é o profissional que atuará na avaliação dos riscos decorrentes das relações de trabalho e se responsabilizará pela gestão dos pilares preventivo, detectivo e corretivo do Programa do Compliance.

Além disso, o Compliance officer é o profissional responsável:

– pela gestão organizacional
– pelo reporte para o comitê de ética;
– pela mediação dos conflitos entre os stakeholders;
– pela investigação e identificação das fraudes e desvios;
– pelo monitoramento do Programa do Compliance;
– pela gestão dos riscos.

Por isso, não há dúvidas que referido profissional deverá ter um sólido conhecimento de Direito Constitucional, Direito do Trabalho, Direito Internacional do Trabalho, Direitos Humanos, além de uma especialização em Compliance (HARD SKILLS) e em Governança Corporativa.

E quais seriam as habilidades (SOFT SkILLS) de um Compliance Officer?

Cito as seguintes:

– empatia;
– inteligência emocional;
– comunicação verbal e escrita eficiente;
– criatividade;
– negociação;
– pensamento crítico;
– liderança;
– resiliência;
– planejamento;
– organização e
– resolução de problemas.

Foto: Anastasia GeppPixabay.

Aprofunde seu conhecimento

Menu
Fale conosco!